Mark Certo:    Faça seu Web Site   |   Hospede seu Web Site   |   Loja Virtual  |   Automação Comercial  |   Assessoria
 
E-Mail:   Senha:  
 
Ainda não sou cadastrado Esqueci a senha
 
Saiba Mais
Apresentação 100% de Lucro
Fã Clube Terceira Idade
Plantas Tóxicas
A Globalização Humana
Longevidade & Precocidade
Porque Envelhecemos
Receitas & Culinárias
Turismo & Lua-de-Mel
Medicina & Conhecimento
Carteiras e Vacinas
Sonhondo Com Animais
Livro Revelador dos Sonhos
Saúde & Exercícios
Jogos & Esportes Diversos
Alimentação Saudável
Miss Mister Terceira Idade
Viagens & Turismo
Astrologia / Horóscopo
Doenças Humana
Dicas de Relacionamento
Você quer Ter Saúde?
Aposentadoria INSS
TaroAstro Místico Milenar
Apostilas Os Chakras
Homenagens a Pessoas
Curso G P Gestão de Pessoas
Excursão Terceira Idade
JEC Junqueirópolis Esporte Clube
Negocios de Sucesso Online
Aprendendo a Tocar Violão
Artigos Cidades & Eventos
Telefones Úteis / Cidades
Academias & Saúde
Revelando Os Seus Sonhos
Bibliotéca Virtual
Direito ao Transporte
Serviços & Recursos
Agenda / Calendário
Galeria de Imagens
Galeria de Vídeos
Cadastro | Sou Fã
Produtos Promocionais
Fórum
Links Úteis
Notícias & Curiosidades
Parceiros
Fale conosco
 
 
 
 
08/12/2013
O Homem X Mulher
Como Pensar Sobre a Intimidade
saiba +
 
 
Você quer Ter Saúde? | Relação Triglicérides/HDL
Relação Triglicérides/HDL  
A conta é simples: ao dividir os valores considerados normais de triglicérides (150 mg/dL) pelos de HDL (40 mg/dL) se obtém o número 3,75 - o resultado desse cálculo é a chamada relação triglicérides/HDL, atualmente utilizada na avaliação dos pacientes da Unidade de Aterosclerose. Não é preciso entender de matemática para saber que quando a concentração dos triglicérides aumenta ou a da HDL diminui ou ambos ocorrem ao mesmo tempo o resultado da divisão também cresce. E junto com ele cresce o risco de desenvolver aterosclerose. Os pesquisadores do InCor constataram ainda que existe uma proporção direta entre a relação triglicérides/HDL e a extensão da placa de gordura nas artérias do coração: quanto maior o valor da relação, mais grave o dano às coronárias, principalmente entre as pessoas com menos de 60 anos. O bom colesterol teria então se tornado um vilão nessa história? Na verdade, não. Mesmo em níveis baixos, a HDL continua a extrair a gordura do sangue. O problema é que se torna insuficiente a coleta das substâncias gordurosas não utilizadas pelas células para a formação de hormônios, ácidos biliares e vitamina D. E, assim como os alimentos que consumimos, a gordura também tem prazo de validade. Quando circula por muito tempo no sangue, torna-se velha e mais propensa a aderir nas veias e artérias.
 
 
Fã Club Grupo Terceira Idade
Onde o Futuro Acontece

© 2018 - Todos os direitos reservados
Melhor visualizado em 1024px / 768px
Projetado e Desenvolvido:
MARKCERTO - Qualidade Interativa